REDUTO DO COMODORO - o Blog de CARLOS REICHENBACH - comodoro@olhoslivres.com
   BOAS FESTAS



 Escrito por Carlos Reichenbach às 23h30
[] [envie esta mensagem]


 
   COLUNISMO SOCIAL

A NOITE DA (O) TEOREMA

 Raimunda Valladares viajou para o Rio Grande do Sul à convite dos editores da revista Teorema.

  Um monte de gente bacana foi ao bar Muffuletta, em Porto Alegre, para o lançamento da Teorema 6, que bombou geral. Todo mundo quis pegar em primeira mão o novo numero da revista que, comenta-se a boca pequena, tem tirado o sono dos redatores do Cahiers du Cinema.

 Gael na vitrine, vendendo que nem pão quente.
 Os editores da Teorema, Marcus Mello, Ivonete Pinto, Flavio Guirland e Fernando Mascarello (o quinto editor, Fabiano de Souza, não pôde comparecer porque estava em Portugal, onde foi apresentar seu filme Cinco Naipes no Festival de Santa Maria da Feira, que recebeu o prêmio da TV portuguesa, levando 1500 dolares para casa).
 Brian de Palma, vulgo Thomaz Albornoz, todo contente porque na noite anterior havia feito a ultima sessão do ano do projeto Raros, exibindo na Sala P. F. Gastal mais uma preciosidade do seu acervo, Onibaba, a Mulher Demônio, de Kaneto Shindo.

 A artista plastica Teresa Poester entre Marcus Mello e Alexandre Santos.
 O critico de arte Alexandre Santos, colaborador da Teorema, e a historiadora Alice Trusz
 A diretora Adalgisa Luz (de O Arraial, co-dirigido por Otto Guerra, e do ainda inédito Café Paris) e Claudia Barbisan, vocalista da banda She's Ok.

 Daniel Feix, Leo Felipe, Ivonete Pinto e Marcus Mello.
 O realizador colombiano Juan Zapata, colaborador da Teorema, e Glênio Povoas
 A moça do meio é Helga Kern e a da direita é a estilista Vivi Gil.
 A artista plastica Daniela Cidade

 Giba Assis Brasil, Ana Luiza Azevedo e Glênio Povoas
 O artista grafico Clovis Borba e Maria Angélica dos Santos, criadora e produtora do projeto Olho da Rua, que hah quatro anos leva filmes brasileiros a meninos de rua em Porto Alegre
 Eneas de Souza, decano da critica cinematografica gaucha, autor do primeiro livro de cinema publicado no Rio Grande do Sul, Trajetorias do Cinema Moderno (1965)

  Felipe Diniz, feliz porque acaba de ter seu projeto - um documentario sobre prostitutas em Porto Alegre - aprovado pelo FUMPROARTE (o fundo de apoio a cultura mantido hah 10 anos pela Prefeitura de Porto Alegre). A beldade da direita nada tem a ver com o filme de Diniz; ao contrário, é uma moça da alta sociedade gaúcha, fotologueira, campeã de correspondencia no Orkut e acha Teorema "um luxo só".



 Escrito por Carlos Reichenbach às 15h21
[] [envie esta mensagem]


 
   AS REFLEXÕES DE J. OLÍMPÍO

VOLTANDO A CONVERSAR COM UM AMIGO

 Eu estava com saudades das conversas que troquei com o escritor, roteirista e produtor J. Olímpio, na época em que mantive colunas semanais de cinema no Terra e no Cineclick.

 Olímpio sempre pautou suas observações sobre os textos que eu escrevia pela independência, seriedade e inteligência com que acolhia ou discordava das minhas opiniões expostas nos textos semanais. Debatíamos com a mesma sinceridade tanto assuntos relativos às nossas vestais deslumbrantes e preferidas, quanto as minhas posturas mais radicias (quando não, irrascíveis) sobre questões políticas do cinema e até da nossa própria filosofia de vida.

 Foi por essa razão que solicitei à J. Olímpio permitir reproduzir aqui, no Reduto, o texto que ele enviou à lista de discussão CINEBRASIL. Diante do fogo cruzado que se transformou a discussão da criação da ANCINAV, a reflexão do cineasta paranaense me pareceu absolutamente autônoma e franca

 É preciso entender que esta é uma manifestação de assombro de um produtor sério, idealista e conseqüente, que está sofrendo todas as agruras de ter ousado investir a sua sobrevivência e a sua energia numa empreitada quase quixotesca: a produção de um filme independente, necessário, de amplo viés humanista e social, chamado O SAL DA TERRA, em um Estado onde fazer cinema ainda é um atrevimento.

 Falei alguns dias atrás da dificuldade que Fernando Severo, um talento incontestável, vinha tendo para consolidar seu primeiro projeto de longa metragem. Para J. Olímpio e seu parceiro, o diretor Eloi Pires Ferreira, as vicissitudes tem sido ainda mais penosas:

"O filme O SAL DA TERRA está na lata, pré-montado (off line) e com um resultado técnico-artístico melhor do que esperávamos. O elenco está fantástico, o resultado promete bastante. Só um detalhe nos apavora: nosso Certificado da Lei do Audiovisual expira no próximo dia 31 e não temos o suficiente em caixa para solicitar um redimensionamento à ANCINE. Estamos fazendo O MÁXIMO para captar mais algum recursos nesta semana, para depois iniciarmos a negociação com a Agência."

 Foi o próprio J. Olímpio quem, por outro lado, me enviou uma notícia bastante auspiciosa:

"P.S.: Seu protesto sobre o Fernando Severo funcionou; ele acaba de vencer, junto com Marcos Joel Jorge, o Prêmio Estadual de Cinema e Vídeo do Paraná. Eles receberão R$1 milhão para produzir o longa CORPOS CELESTES."



 Escrito por Carlos Reichenbach às 01h43
[] [envie esta mensagem]


 
   A CARTA DE J. OLÍMPIO PARA LISTA CINEBRASIL

(com a autorização do autor)

Povo do Cinema.

Há dois anos atrás, a atriz Regina Duarte invadia os lares brasileiros, pela telinha, e protagonizava o monólogo mais patético de sua carreira; dizia ela que "tinha medo...". Hoje, sua colega Cristiane Torloni se diz "atônita", no Estadão, ameaçando ler manifestos contra a ANCINAV, em plena ribalta. Ambas as divas, em momentos históricos distintos, encenam um espetáculo grotesco. A primeira, de "namoradinha" passou a ser a "madrastinha" do Brasil, ao manifestar sua servidão ao status quo de então. A segunda, desconhecedora confessa da real proposta da ANCINAV, melhor faria se ameaçasse brindar-nos com seus atributos físicos e interpretativos.

 E, nesse rol de atuações infelizes, quando Tony Ramos, Rosa Maria Murtinho, Cláudio Manuel e outros expoentes globais assumem a inglória tarefa de atacar a modernidade nascente, vemos horrorizados o maquiavelismo dos patrões da "cultura audiovisual" usando-os como marionetes teleguiados para engambelar a boa-fé do povo.

E mais: liderando essa fantástica legião de notáveis cavaleiros da desesperança, Arnaldo Jabor escande sua pena ferina - brilhante e eloqüente, mas desatradamente devotada a servir aos poderosos - tentando desmoralizar toda a caminhada progressista dos atuais rumos da política audiovisual. Nada mais deplorável do que contemplar um cineasta do quilate de Jabor, hoje estéril de sua antiga poesia; que pensa estar distribuindo boas idéias, sem se aperceber que apenas late. Não basta invocar as origens cinemanovistas, para ele e outros seguidores dos desejos jardimbotânicos. Não lhes confere credibilidade alardear sua tradição produtiva, se hoje secundam interesses anti-produtivos para a comunidade. Não se pode acreditá-los "pós-modernos", se apelam para figuras lingüisticas mais do que reacionárias; cuspindo adjetivos como "stalinista" e outros. São tristes arremedos de militantes, que ouviram cantar o galo e nem sonham  onde! Até o monarquista convicto Ives Gandra Martins foi convocado a "embasar" a argumentação da FAC, fazendo pretensa exegese do projeto da ANCINAV à luz da Constituição. Logo ele, que prega a transformação do Estado em uma corte vitoriana...!

 Companheiros, o nosso cinema vive novo momento crítico e decisivo. Do "alto" da minha insignificância como produtor paranaense independente, arrisco-me a um alinhamento radical com a proposta por uma ANCINAV livre de todos os casuísmos que impregnam o tal substitutivo da FAC (leia-se: Globo). E conclamo a todos os que ainda prezam sua identidade pessoal e nacional a fazerem o mesmo, sob as luzes da lucidez que tanta falta faz a essas e outras personalidades comprometidas com a concentração dos meios.
 Arrisco-me, sim, a ser execrado e expelido do mercado, por pressões e influências contrárias à difusão do meu trabalho. E, se for o caso, não hesitarei em denunciá-las, repelí-las e superá-las.

 O que não se pode, em hipótese alguma, é fazer vista grossa e ouvido mouco a mais essa manipulação da realidade.

 Muito grato pela atenção, abraços a todos!

J.
Olímpio



 Escrito por Carlos Reichenbach às 01h14
[] [envie esta mensagem]


 
      
 
 

HISTÓRICO
 24/01/2010 a 30/01/2010
 25/01/2009 a 31/01/2009
 22/07/2007 a 28/07/2007
 22/01/2006 a 28/01/2006
 30/01/2005 a 05/02/2005
 23/01/2005 a 29/01/2005
 16/01/2005 a 22/01/2005
 09/01/2005 a 15/01/2005
 02/01/2005 a 08/01/2005
 26/12/2004 a 01/01/2005
 19/12/2004 a 25/12/2004
 12/12/2004 a 18/12/2004
 05/12/2004 a 11/12/2004
 28/11/2004 a 04/12/2004
 21/11/2004 a 27/11/2004
 14/11/2004 a 20/11/2004
 07/11/2004 a 13/11/2004
 31/10/2004 a 06/11/2004
 24/10/2004 a 30/10/2004
 10/10/2004 a 16/10/2004
 03/10/2004 a 09/10/2004
 26/09/2004 a 02/10/2004
 19/09/2004 a 25/09/2004
 12/09/2004 a 18/09/2004
 05/09/2004 a 11/09/2004
 29/08/2004 a 04/09/2004
 22/08/2004 a 28/08/2004
 15/08/2004 a 21/08/2004
 08/08/2004 a 14/08/2004
 01/08/2004 a 07/08/2004
 25/07/2004 a 31/07/2004
 18/07/2004 a 24/07/2004
 11/07/2004 a 17/07/2004
 04/07/2004 a 10/07/2004
 27/06/2004 a 03/07/2004
 20/06/2004 a 26/06/2004
 13/06/2004 a 19/06/2004
 06/06/2004 a 12/06/2004
 30/05/2004 a 05/06/2004
 23/05/2004 a 29/05/2004
 16/05/2004 a 22/05/2004
 09/05/2004 a 15/05/2004
 25/04/2004 a 01/05/2004
 18/04/2004 a 24/04/2004
 11/04/2004 a 17/04/2004
 04/04/2004 a 10/04/2004
 28/03/2004 a 03/04/2004
 21/03/2004 a 27/03/2004
 14/03/2004 a 20/03/2004
 07/03/2004 a 13/03/2004
 29/02/2004 a 06/03/2004
 22/02/2004 a 28/02/2004
 15/02/2004 a 21/02/2004



OUTROS SITES
 NOVO ENDEREÇO DO REDUTO DO COMODORO
 OLHOS LIVRES - o site de Carlos Reichenbach
 CARTAS DO REICHENBOMBER - Arquivo
 DEZENOVE SOM E IMAGENS
 OS BLOGS QUE CONCORREM AO QUEPE DO COMODORO
 ALTA FIDELIDADE
 ANOTAÇÕES DE UM CINÉFILO
 ARKADIN - CINEMA, PRA COMEÇO DE CONVERSA
 ARTE GRÁFICA (ou ANJO EXTERMINADOR)
 BAÚ DE FILMES
 CAIXA PRETA
 CELULÓIDE CORTADO
 CHIP HAZARD
 CINECASULOFILIA
 CINE ESTRANHO
 CINEFILIA
 CINÉFILOS DO TERCEIRO MUNDO
 CINÉFILOS OFF-LINE
 CINÉFILOS ON LINE
 CINEMA CUSPIDO E ESCARRADO
 CINE MAJESTIC
 CINEMATÓRIO
 CINENETCOM
 CURRAL CINE - BLOG DA VAQUINHA EUGÊNIA
 DIÁRIO DE BORDO
 DIÁRIO DE UM CINÉFILO
 DR. IGOR - NEWS ASSOCIADOS
 EM CARTAZ
 ERA UMA VEZ NA PARAÍBA
 FILMES DO CHICO
 FILMES GLS OU QUASE
 FREE AS A WEIRD
 FULERUS FILMES
 HATTORI HANZO
 IMPRESSÕES CINÉFILAS
 IMPÉRIO CINÉFILO
 LIMÃO MATUTINO - SEGUNDA SAFRA
 LOS OLVIDADOS
 MATA HARI & 007
 MELODIA DO OLHAR
 MONDO PAURA
 NUVEM DE PÓLVORA
 OS INTOCÁVEIS
 PAGODA REBORN
 PICILONE
 PSEUDOCINÉFILOS
 QUALQUER COISA QUE POSSA ME INTERESSAR ...
 QUARTO DO CHIKO
 RD - B SIDE
 REPETE QUE EU NÃO OUVI DIREITO
 SALA PROIBIDA
 SETARO´S BLOG
 THE BRIDGE
 TRÊS CINÉFILOS EM CONFLITO
 VERDADES E MENTIRAS EM 24 FOTOGRAMAS
 CONTRACAMPO
 CINEMASCOPIO
 CINE IMPERFEITO
 FILMESCÓPIO
 CRÍTICOS.COM
 CINEMA MARGINAL
 STONE AGE SCANNERS
 SALVE O VHS
 BLOG DO TAS
 VGI - Vivian Golombek
 O SIGNO DO DRAGÃO
 ALMANAQUE ROSÁRIO CAETANO
 DIONISÍACAS - O Blog do Dionísio Neto
 CINEMINHA
 CINEFILIA
 MULHERES DO CINEMA BRASILEIRO
 CINEMA EM FOCO - o cinema em Brasília
 DICK DANELLO - o site
 BLOG DO CINEMA BRASILEIRO
 DOINEL, O CINÉFILO DE DOIS CÓRREGOS
 SURREALISMO / DE CINEMA
 REATOR - Revista de Cultura
 AGULHA - REVISTA DE CULTURA
 FAKERKAKIR - Site de Ficção e Jornalismo
 REVISTA ETCETERA
 O CISCO TORNITRUANTE
 DOUTOR DALTON - um Blog surpreendente
 A MATÉRIA DO SONHO
 OLIGOFRIENDS
 JOSÉ GERALDO MARTINS
 NOTÍCIAS DO ZOO
 DEDOS DAS MOÇAS
 AS PERDIDAS
 BURBURINHO - o pensamento vivo de Nemo Nox
 OMBUDSMANS DE X-SALADA - é à sério
 MALDITOS FILMES BRASILEIROS
 JAPAN ACTION - site brasileiro
 POST DEAD - o Blog do Villa da 89FM
 MAGNUS OPUS COLLECTION
 CABINE - Revista Virtual
 SOMBRAS ELÉTRICAS
 MEIA ENTRADA
 FOTOLOG DO VEBIS JUNIOR
 ACRE INFUSO - O Blog-roteiro
 BOCA DO INFERNO
 APLAUSO - Revista de Cultura
 TODOS JORNAIS DO PAÍS
 JORNAL DOS OLHOS LIVRES
 O CRÍTICO DE CINEMA
 CINEMA NO DIVÃ
 CINE ART
 MOVIES AND MORE
 CINEMA E ETC
 WIDESCREEN
 OS CINÉFILOS
 7ARTE
 SPOILER
 CINELIGADO
 CINÉFILOS
 NOS BASTIDORES DA NOTÍCIA
 EU ASSISTI
 CINEMA & LITERATURA
 IMAGEM EM MOVIMENTO
 PORTAL CINE
 CINELÂNDIA
 CINEMA TURBINADO
 CINE VÍDEO EDUCAR
 CINEMA COM RAPADURA
 KINEMAIL
 POPPY CORN
 BLOG DA LAURA BEATRIZ
 O CAIXOTE - REVISTA
 VIVER E MORRER NO CINEMA
 BLAXPLOITATION
 EROTIKILL
 O ESCURINHO NO CINEMA
 CINEMANÍACO
 PINK FREUD
 SCORETRACK NETWORK - MÚSICA E CINEMA
 ROTEIROS ON LINE
 NÃO
 VÍDEO CLUBE CINE SERIADO - Compra de filmes raros
 CINE TV NOSTALGIA - Compra de filmes raros
 PUTRESCINE - Compra de filmes raros
 REVISTA BALA
 DICACINE
 MOÇO DE FAMÍLIA - Contos, crônicas e ensaios
 PLANO A PLANO
 CINEMA LIDO
 FILMES BRASILEIROS QUE POSSUAM O ESPORTE COMO TEMA
 DROPS MAGAZINE - CINEMA
 A REBELDIA, O SONHO E O CINEMA
 MONSTRO NA GARAGEM
 CINETRIX
 O OLHO DE HOCHELAGA


VOTAÇÃO
 Dê uma nota para meu blog!